"Marilyn Monroe parodiava a feminilidade. Eu detestaria pensar que meu charme se baseasse no que considero uma anomalia. Acho que a obsessão com o sexo e com o tamanho dos seios das garotas é perversão." Jane Fonda, 1967

.

6 comentários:

joseluis disse...

que mentira!!!!!

Prensada disse...

tb acho !

helena disse...

A Jane foi bem chata nesse comentário. Tipo intelectual chata.

Marina, blog show.

marina w. disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
marina disse...

Helena, eu entendo, mas é preciso que se considere que Jane Fonda disse isso em 67, o momento era de mudanças e ela estava engajadíssima.
Beijo.

helena disse...

Marina, eu entendo e considerei o que voc� diz. Foi mais em defesa da Marylin, que eu sempre considerei uma mulher em agonia por n�o conseguir se mostrar ao mundo por outros meios sen�o esses.
E eu fico invocada com quem t� afli�o pro j� aflito, foi isso. Jane chata..rs
beijo