Efeito borboleta




1. O Ashton kutcher é apenas um rostinho bonito. Muito canastra. "Mas precisa trabalhar bem?" MC pergunta. Pisc*
2. É um filme que amedronta,
3. A cena final, quando eles se veem na rua, e seguem em frente achei batida. Mas pior seria se eles não seguissem adiante.
4. Conforme o filme vai passando vai ficando mais interessante, mas dá medo e é violento. E tem a cena do cachorrinho, mas depois ele conserta.
5. Não consigo imaginar o Asthon Kutcher em um fime adulto.
6. É bem legal, mas o público alvo é adolescente (leia-se dos 13 aos 31)


Gostei. Mesmo porque não entrei em fila, não tive que procurar vaga, não precisei nem tirar o pijama :)

voltar.

.

2 comentários:

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Eu adoro esse filme. Acho que ele tem uma história interessante e diferente, o que é um pouco raro, rs... Já vi umas duas vezes e acho que fiquei tão envolvida que nem liguei tanto pro fato que a atuação da maioria dos atores dele, realmente não é das melhores...

Abçs!

Helena Costa disse...

Marina, desculpe o OT, mas estou divulgando o XI Projeta Brasil. Amanhã, em toda rede Cinemark, filmes nacionais a R$2 - produções brasileiras lançadas entre novembro de 2009 e outubro de 2010. Tem de tudo para todos os gostos, de "Tropa de Elite 2" a "O mistério da Feiurinha". Se puder/quiser divulgar, agradeço.